Publicado Online: 20 de fevereiro de 2020

CrossMark_faixa.png

Estado da arte acerca da assistência de enfermagem na humanização do parto

Amélia Resende Leite e Francisca Regicláudia Medeiros da Silva

RESUMO Foi realizada uma revisão integrativa com o objetivo de identificar a contribuição das pesquisas desenvolvidas sobre o estado da arte acerca da assistência de enfermagem na humanização do parto, em que as bases de dados BDENF e LILACS subsidiaram esta pesquisa. Para se aproximar da realidade, se optou por estudos publicados nos últimos 5 anos em formato de artigo, obtendo um total de 14 publicações que foram utilizadas nesta revisão. Os resultados mostraram a inserção da humanização no parto na formação da enfermagem e o incentivo fornecido pelo Ministério da Saúde, bem como o modelo hegemônico influenciando as condutas direcionadas aos partos. Conclui-se que é preciso que a enfermagem consiga apreender o seu real objeto e objetivo de trabalho e se conscientize do papel que tem no transcorrer de uma parturição satisfatória, em que a lembrança da paciente sobre esse momento atenda, e até supere, as expectativas criadas durante todo o período gestacional. Como também possa ocasionar aos profissionais envolvidos a satisfação e sensação do trabalho cumprido.

PALAVRAS-CHAVE: cuidados de enfermagem; humanização; parto

         https://doi.org/10.29327/multi.2020008

1200px-DOI_logo.svg.png

MALQUE Publishing

©2018-2020 by MALQUE Publishing