MALQUE Publishing

©2018-2019 by MALQUE Publishing

Publicado Online: 25 de maio de 2018

CrossMark_faixa.png

Enfermeiros neonatologistas frente aos cuidados ao recém-nascido portador de malformação congênita

Lorena Tamara Vieira Fernandes e Fabíola Chaves Fontoura

RESUMO As malformações congênitas podem ser destacadas como anomalias que se apresentam no nascimento. Nesta revisão, objetiva-se investigar a assistência de enfermagem ao neonato portador de malformações congênitas, observado as estratégias discutidas pelos profissionais da enfermagem no enfrentamento do caso encontrado. A metodologia utilizada para a revisão bibliográfica fundamentou-se em publicações existentes no Scielo, Bireme, Biblioteca Virtual da Saúde e LILACS em todas os índices pesquisados. Seguiu-se como questão norteadora: Como é implementada a assistência de enfermagem ao neonato portador de malformações congênitas? Totalizaram 6 publicações utilizadas nesta revisão. Com a finalização deste estudo e vista a importância do conhecimento dos profissionais de enfermagem acerca do tema abordado, para que possibilite uma assistência especializada visando a recuperação do neonato. É importante que o serviço, contrate mais profissionais e qualifique os mesmo para implantarem e desenvolverem a sistematização da assistência com todas as suas etapas para que uma assistência de qualidade seja prestada, e que aconteçam capacitações para todos os profissionais do serviço.

 

PALAVRAS-CHAVE: crianças; cuidados intensivos; sistematização da assistência

        https://doi.org/10.29327/multi.2018004

1200px-DOI_logo.svg.png